Como tratar a dor da chikungunya: entenda fases da doença

Registro de casos aumentou 440% na Bahia nos últimos seis meses; sintoma pode se tornar crônico e durar anos

mosquito sucking blood

Por Correio24horas

As dores começaram em abril. De um dia para o outro, a aposentada Angela Gonçalves, 65 anos, tinha mãos e pés inchados e sem sensibilidade. Nas articulações, muita dor.  “É horrível. Só você sentindo para entender”, diz ela, que foi diagnosticada com chikungunya. Hoje, três meses depois, ainda sofre com a doença. 

infectada com chikunguya em abril, ela ainda lida com as dores. As duas fazem parte de uma estatística que só tem crescido, nos últimos meses: os casos de chikungunya no estado, que chegaram a mais de 20 mil até o final de junho, desde o início do ano. 

Em comparação ao mesmo período do ano passado, houve um crescimento de cerca de 440% das notificações, de acordo com a Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab). Só que o que nem todo mundo sabe é que a chikungunya nem sempre vai logo embora. Assim como tem acontecido com dona Angela e Carina, as dores podem ir além da fase aguda, que costuma levar até 10 dias e também inclui febre. 

Pode envolver o período chamado subagudo, que vai até três meses, e evoluir para a fase crônica, que chega a durar até três anos, em média.

Se tem algo que diferencia a chikungunya de outras arboviroses, é a dor. Conhecida no Brasil desde 2014, ela se tornou uma das “primas” da dengue – justamente por ser transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, que ainda é vetor da zika e da febre amarela. 

Até metade dos pacientes pode desenvolver um quadro de dor articular incapacitante, segundo a anestesiologista Anita Rocha, especialista em dor e responsável técnica pelo Itaigara Memorial Clínica da Dor. 

Veja matéria completa clique aqui.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.