Salvador deve ganhar um novo cemitério público em razão da pandemia do coronavírus.

Prefeitura de Salvador amplia vagas e licencia área para construção de novo cemitério de 52 mil metros quadrados

Salvador deve ganhar um novo cemitério público em razão da pandemia do coronavírus. Em coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira (17), o prefeito da capital baiana, ACM Neto, revelou que uma área de 50 metros quadrados já está licenciada pela gestão municipal e pode ser utilizada. Segundo o último levantamento da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), 18 pessoas morreram em Salvador por causa do Covid-19.

“Nós estamos identificando uma nova área da cidade, que já está licenciada. Eu pedi a Marcos Vinícius, secretário de Ordem Pública, que foi lá e já fez um levantamento da área. Está licenciada para cemitério. É claro que seria necessária uma série de ações, obras de infraestrutura, mas que podem ser feitas rapidamente. É uma área muito grande, de 50 mil metros quadrados”, disse o prefeito ACM Neto.

“Espero que esse não seja problema em nossa cidade. Primeiro, espero que não morra tanta gente em função do coronavírus e não precise dessas vagas. Caso seja necessário, estamos adotando todas as medidas para não acontecer aqui o que a gente tem visto em outros locais: pacientes amontoado em corredor de hospital ao lado de cadáveres, cadáver esperar em câmara frigorífica”, disse.

“Se for para a Europa, cenas ainda mais dramática, como cadáveres nas ruas ou dentro de casa em sistema de putrefação. Espero que nada disso possa acontecer na nossa capital”, completou o prefeito de Salvador.

O prefeito de Salvador, porém, disse que ainda não pode revelar o local onde pretende construir um novo cemitério.

“Por enquanto não [não posso dizer onde fica], porque trata-se de área privada que teria que passar por acordo com proprietário. Mas já está licenciada”, disse.

Além do novo cemitério, a prefeitura de Salvador autorizou a reforma e ampliação das unidades já existentes na capital. A gestão municipal também conversa com cemitérios particulares da cidade a fim de ampliar o número de vagas.

“Nós temos cerca de mil novas carneiras nos cemitérios municipais. Antes da crise, eu tinha autorizado para reformar e ampliar os cemitérios municipais. Estamos conversando com Bosque da Paz, Jardim da Saudade e Campo Santo, que são os três principais cemitérios particulares da cidade, para adquirir, nesses cemitérios, vagas para sepultamento”.

“Estamos, com o Jardim da Saudade, preparando um acordo que já existe. Temos um crédito anual para cremações. Minha ideia é ampliar essa quantidade de cremações que a prefeitura pode fazer no Jardim da Saudade”, conclui ACM Neto.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.