República Democrática do Congo registra novo surto de ebola

Em paralelo, país africano registrou 3.195 infectados e 72 mortos pelo Sars-CoV-2 (novo coronavírus)

A República Democrática do Congo informou nesta segunda-feira (1º) que há uma nova epidemia de Ebola na cidade ocidental de Mbandaka, a mais de 1.000 quilômetros de um surto contínuo no leste. Em paralelo, a pandemia do novo coronavírus infectou ao menos 3.195 pessoas e deixou 72 mortos naquele país, segundo a Universidade Johns Hopkins (EUA).

Essa nova epidemia do ebola foi confirmado pelo diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus. “Esse surto é um lembrete de que a Covid-19 não é a única ameaça à saúde que as pessoas enfrentam”, afirmou, via postagem no Twitter.

O ministro da Saúde congolês, Eteni Longondo, disse que quatro pessoas que morreram em Mbandaka testaram positivo para o Ebola. Um dos países mais pobres do mundo e com acesso limitado a assistência em saúde, o Congo fechouescolas, bares, restaurantes e locais de culto e proibiiu voos assim que a Covid-19 foi registrada, em casos importados. Fonte: Veja

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.