“Teremos que nos reinventar”, afirma vereador Claudio Tinoco sobre possível cancelamento do Carnaval e do Festival da Virada

Foto Reprodução Video Nordesteusou

O ex-secretário municipal de Turismo, o vereador Claudio Tinoco comentou as declarações do prefeito ACM Neto (DEM) sobre o possível cancelamento do carnaval de 2021. De acordo com o prefeito a festa estaria condicionada à descoberta de uma vacina contra o novo Coronavírus.

Para Tinoco, que preside na Câmara de Vereadores (CMS),  a Frente Parlamentar de Acompanhamento das Ações Voltadas à Recuperação do Turismo em Salvador, por se tratar de festas que  atraem visitantes, inclusive do exterior, a realização do Carnaval e do Festival Virada  não dependerá apenas das condições de Salvador, mas também do estágio da pandemia no mundo.

O vereador destacou que uma Comissão, na CMS, irá acompanhará de perto as ações que a prefeitura de Salvador irá tomar sobre a realização ou não dos eventos. “O Carnaval e o Festival da Virada são os dois maiores eventos do calendário de Salvador. Para garantir uma festa segura para todos, iremos acompanhar permanentemente a evolução da crise do Covid-19, dos protocolos sanitários recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), e por especialistas e até mesmo a criação de uma vacina para a doença. Tenho certeza que elas estarão de acordo com o recomendado por especialistas”, afirmou.

“Isso também ocorrerá com outros eventos que estão agendados mais para frente, como o São João nas cidades da Bahia e a própria eleição que poderá sofrer impactos também.  É certo que, no mínimo, teremos que nos reinventar e, consequentemente, adequarmos as nossas festas populares, mesmo que transitoriamente”, completou.

COMPARTILHAR
Tiago Queiroz
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU