Empreendedorismo na crise: família resolve investir no próprio
negócio durante a pandemia

Apesar das limitações impostas pelo cenário de crise, a pandemia do novo coronavírus também tem se apresentado, para algumas pessoas, como uma oportunidade de inovação e desenvolvimento de negócios.

Anderson Barreto, Edilene Jesus e Ailvani Barreto, proprietários do restaurante Mu’keka da Ilha (Foto: Arquivo pessoal)

De acordo com dados do Portal do Empreendedor, somente entre os meses de março e julho deste ano, 551.153 novos microempreendedores foram registrados no país. Enquanto grandes empresas fecham as portas, por razões financeiras, outras surgem a partir da necessidade de gerar renda. Foi assim que Ailvani Barreto, moradora do Nordeste de Amaralina, e sua família deram início ao Mu’keka da Ilha, restaurante especializado em moquecas. O negócio existe há menos de um mês e, de acordo com a empreendedora, também é administrado pela comadre, Edilene Jesus, pelo esposo, Anderson Barreto e pelo padrinho, Marcelo Oliveira. “Nunca tivemos dúvidas referentes à dar certo, pois temos uma sintonia incrível e a vontade de empreender nos motiva”, conta Ailvani.

Edilene aprendeu a cozinhar enquanto ajudava a mãe, Maria Dias, nos trabalhos em restaurantes, pousadas e barracas (Foto: Ailla Melo)

Segundo Ailvani, entre os fatores que impulsionaram a abertura do negócio, que opera em sistema de delivery, está a ausência de restaurantes do mesmo segmento na localidade em que mora. “Observamos que aqui no bairro temos vários deliverys, mas não conhecemos delivery de moqueca, então veio a ideia. Idealizamos em 2018 e colocamos em prática em 2020”, explica.


Edilene Jesus é responsável pelos pratos servidos pelo restaurante. A chef, que trabalhava como vendedora de salgados, conta que sempre gostou de cozinhar para os amigos. A habilidade com a cozinha foi herdada da mãe, Maria Dias. Quando questionada sobre os segredos necessários para fazer uma boa moqueca, Edilene dá algumas dicas. “Temos que ter os temperos ideais e um toque de amor, carinho e dedicação”, diz.

Anderson Barreto, gerente comercial da empresa, explica que as estratégias de divulgação do negócio são realizadas através das redes sociais e contam com o apoio de amigos. Diante dos desafios enfrentados por empreendedores, que decidiram investir no próprio negócio durante a pandemia, Marcelo Oliveira, gerente administrativo do Mu’keka da Ilha, aponta o distanciamento social como um dos principais obstáculos. “Como empreendedor, lidar com regras de distanciamento social, uma vez que nosso cliente final é o público, é o maior desafio”, analisa.

COMPARTILHAR
Gabriela Araújo
Estudante de jornalismo e criadora de conteúdo digital. Acredita na ressignificação das coisas como ponto de partida para a evolução coletiva e pessoal.