PM da reserva de 52 anos é um dos mortos por covid-19 na Bahia

Ele morreu no Santa Isabel; mulher e filha estão isoladas com suspeita da doença

O sargento da reserva da Polícia Militar Carlos Alberto Nascimento Macedo, 52 anos, é uma das vítimas da covid-19 na Bahia. A própria PM divulgou nota lamentando a morte e confirmando que o sargento faleceu em virtude do novo coronavírus.

Carlos Alberto estava internado na UTI do Hospital Santa Isabel e morreu na noite da terça (14), sofrendo complicações em função da doença.

Sem nome, a morte do PM foi divulgada no boletim de ontem à tarde da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), como a 27ª morte no estado – houve mais uma confirmada depois e o total está em 32. Segundo a secretaria, Carlos Alberto estava internado desde 7 de abril, com febre, tosse, desconforto respiratório e dispneia. Ele não tinha comorbidades conhecidas.

Ele deixa esposa e uma filha de 17 anos – as duas estão em quarentena por suspeita de estarem também com o novo coronavírus.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.