[LUTO] Morre, vítima do Covid-19, a professora Clarice

É com muito pesar, que comunicamos o falecimento da professora e histórica militante política da região do Nordeste de Amaralina, Clarice Pereira dos Santos, 59 anos. Clarice era diretora da APLB-Sindicato.

Conhecida nos quatro cantos da comunidade, a educadora atuou por mais de três décadas em unidades de ensino da região do Nordeste de Amaralina. Foi diretora da Escola Municipal Santo André. Destaque também por sua luta incessante em favor da juventude do bairro, além da sua militância em prol do povo negro e contra o racismo.

Clarice estava internada no Hospital Português lutando contra o Coronavírus, mas na madrugada desta terça-feira (23), acabou não resistindo e veio a falecer.

O Nordesteusou se solidariza à dor dos familiares e amigos.

Em nota a direção da APLB lamentou a morte da educadora.

Veja nota:

É com profundo pesar que informamos o falecimento da diretora Clarice Pereira dos Santos, a “Professora Clarice” como é carinhosamente conhecida. Nossa guerreira e irmã de luta nos deixou na noite desta segunda-feira (22/06), vítima do coronavírus. Clarice integrava a diretoria do Social da APLB, sindicalista, reconhecida militante antirracista, atuava como professora na comunidade do Nordeste de Amaralina, nas redes municipal e estadual de ensino. Foi diretora da Escola Municipal Santo André e era pré-candidata a vereadora.

A APLB se solidariza com os familiares e amigos neste momento de dor e saudade. A cerimônia de cremação ocorrerá no Cemitério do Campo Santo, mas sem convidados, respeitando os trâmites atuais deste momento de pandemia.

Clarice permanece para sempre em nossos corações com seu exemplo de amor, bravura e determinação.
Professora Clarice, PRESENTE!

COMPARTILHAR
Avatar
Publicitário, Ativista Social e Fundador do Portal NORDESTeuSOU.