[Look “Ok”, Cabelo “Ok” , Maquiagem “Ok] Foliões ditam tendências no Circuito Mestre Bimba

Tô na moda, tô no circuito!

Aaaaah, o Carnaval!!! Uma das épocas mais gostosas do ano. Curtição garantida durante 7 dias de folia. Mas é claro que não não pode faltar o “look baphooo” para brilhar. Também, pudera! Essa é a única época do ano que é “permitido” sair por aí bem a vontade, banhado em gritter, abusar das cores, bodies, vestidos apenas maiôs, saia de tules.


Essas peças já foram vistas em outros carnavais. Mas, em tempos de memes vale de tudo para dar o melhor “closet”, e ainda de quebra ela ainda server para mandar aquela indireta, recado para “Crush”, ou também como instrumentos de critica social e política.


O que vale é cair na folia é gastando pouco e abusando da criatividade. E no circuito Mestre Bimba não poderia ser diferente. A estudante Karina de 39 anos, se jogou no neon. “Adoro uma cor, estou toda de laranjão, se disputar com o sol, brilho mais”, contou.

A dona de Casa Flávia mostrou que não tem idade para estar na moda na folia. ” Estou toda produzida. contei com o auxílio da filha, como ela sempre diz: “Estou bem bloguerinha”, ainda quero ganhar vários seguidores”, disse a senhora aos risos.

E os íntegrantes da família Freitas plantaram um jardim no circuito com roupas que representa cada tipo de flor. ” Queremos ser regadas de muito amor e coisas boas, assim como as plantas”, descreve Naira com uma mensagem de boa vibração.

Os Jovens amigos Caíque e Leonardo buscaram inspirações nos animes para compor seus looks. ” É um momento de externar o que mais gosto, os animes. Trouxe para o circuito”, comentou Caíque vestido de Naruto.

A estudante de enfermagem Amanda trouxe sua profissão para avenida. “Fiz da minha paixão que é a enfermagem para montar meu look. Paixão e arte”, explica.

Assim como o jeans é considerado indespensavel em qualquer guarda roupa, na folia, que assume é as famosas plaquinhas. Foram vistas nós cincos dias de folia, sempre com muita irreverência e uma mensagem de “pás”.

A estudante usou uma plaquinha para dar uma leve alfinetada no ex. ” Supera que nada, tô fazendo a fila andar, vou pegar geral. Curtindo os gatinhos”, disse.

Já o estudante universitário Pedro Claudio, escreveu frases com o objetivo de contrária o ditado “amor de carnaval não sobe ladeira”. ” Sobe sim, inclusive no altar. Quero encontrar o amor da minha vida. Se não rolar sentimentos “Temos álcool em comum”, pontua o jovem com sua tática para encontrar uma paixão.

Tem de um tudo, até às princesas da Disney e companhia escolheram caírem na folia no Nordeste. “Desde criança sou facinada por ela, então, rolou a homenagem”, pontua a Barbie do Círcuito, destaca Geovana ao lado dos seus amigos Rogério e Letícia.

COMPARTILHAR
Luis Lago
Amante da Literatura, apaixonado pelas Letras. Discente de Letras Vernáculas e Língua Inglesa, poeta, escritor , blogueiro, professor e Repórter do site NES.