Temer chega à PF para se entregar à Justiça após nova ordem de prisão

Tribunal Regional Federal revogou nesta quarta (8) o habeas corpus que mantinha o ex-presidente e o coronel Lima soltos.

Ex-presidente Michel Temer deixa casa de carro para se entregar à PF em São Paulo 09/05/2019 REUTERS/Amanda Perobelli Foto: Reuters

O ex-presidente Michel Temer se entregou à Polícia Federal em São Paulo nesta quinta-feira, um dia após desembargadores do Tribunal Regional Federal da 2ª Região terem ordenado o retorno dele à prisão preventiva por envolvimento no esquema de corrupção investigado pela operação Lava Jato.

Imagens ao vivo de televisão mostraram o carro em que Temer saiu de casa ingressando na sede da PF na capital paulista, depois que o TRF-2 cassou habeas corpus que beneficiava o ex-presidente e o ex-coronel da Polícia Militar de São Paulo João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, amigo pessoal de Temer.

O ex-presidente e Lima haviam sido presos em março no âmbito da operação Descontaminação, que apura desvios de recursos na Eletronuclear, mas foram soltos poucos dias depois, graças a um habeas corpus agora cassado.

A Justiça havia estabelecido prazo para que Temer se entregasse até as 17h desta quinta-feira. Após a decisão do TRF-2, o ex-presidente disse na noite de quarta-feira que iria se apresentar voluntariamente.

Antes de Temer se entregar, a defesa do ex-presidente apresentou um pedido de liberdade ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). A defesa também pediu que, caso Temer seja preso, permaneça em São Paulo, Estado de sua residência, e não seja levado ao Rio de Janeiro.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.