Servidor do Detran é suspeito de cobrar até R$ 500 para fraudes em CNH em Salvador

Indícios apontam que suspeito faz parte de um grupo que atuava há pelo menos dois anos

(Foto: divulgação/Detran-BA)

Um servidor do Detran-BA é suspeito de fazer cobranças irregulares para clientes, a fim de fraudar serviços em Salvador. O homem foi detido na manhã desta quinta-feira (11), durante a Operação Freio de Arrumação, de combate à corrupção e lavagem de dinheiro, por meio de fraudes em carteiras nacionais de habilitação (CNH) e infrações de trânsito.

Segundo o Ministério Público da Bahia (MP-BA), o homem, que trabalhava em uma unidade do Detran localizada no Auto Shopping Itapoan, no bairro de Itapuã, cobrava valores entre R$ 45 e R$ 500 para realizar alguns procedimentos. Cada ponto retirado da CNH, por exemplo, “custava” cerca de R$ 45. Indícios apontam que o suspeito faz parte de um grupo que atuava há pelo menos dois anos.

“Eram diversas fraudes realizadas com atuação de servidores públicos e particulares, que atraíam as pessoas, clientes que tinham pontos e infrações de trânsito, e realizavam diversas fraudes: modificação no sistema para conseguir licenciamento, retirada de multas de habilitação b para c”, disse o MP.

Em nota, o Auto Shopping Itapoan informou que não chegou a ser alvo da operação e que os agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram ao local cumprir mandados de busca e apreensão apenas no posto do Detran. Ainda conforme o estabelecimento, os serviços prestados pela central são de responsabilidade apenas do Órgão de Trânsito do Estado da Bahia.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.