Rodoviários podem parar a qualquer momento; nova reunião acontece segunda

Trabalhadores pedem,, entre outras demandas, 6% de reajuste salarial

Os rodoviários de Salvador podem decidir paralisar as atividades a qualquer momento, após a manifestação que aconteceu na manhã desta quarta-feira (16) e atrasou a saída dos coletivos das garagens.

Segundo o porta-voz do Sindicato dos Rodoviários, Daniel Mota, os empresários ainda estão resistentes em realizar o reajuste da categoria por falta de verba. Os trabalhadores pedem 6% de reajuste salarial, 6% de aumento no tíquete-alimentação, aumento do número de dependentes no plano de saúde e contratação de mais mulheres.

Uma nova reunião com os representantes dos empresários vai acontecer na próxima segunda-feira (21), às 11h, no entanto, a categoria não descarta outros protestos neste meio tempo. A reunião vai acontecer na sede da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE).

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.