Parque Social: cinco novos projetos terão 850 vagas em cursos grátis

Nesta segunda-feira (23) cinco novos projetos foram apresentados para a comunidade em Salvador.

Foto: (Marina Silva/CORREIO)

Pegue um jovem. Mostre a ele os caminhos das transformações por meio do empreendedorismo social, capacite-o e trabalhe o seu autoestima. Pronto. Certamente, esse jovem irá espalhar por aí tudo o que aprendeu, mudando a sua vida e a daqueles que o cerca. É assim que os projetos do Parque Social fucionam. No total, em 2017, 176 mil pessoas – incluindo os jovens que participam dos projetos e seus familiares –  foram beneficiados com os programas que focam sobretudo em ações empreendedoras. Com a chegada de mais novos cinco projetos, 200 mil pessoas vão passar a fazer parte – de forma direta e indireta – da ONG.

Nesta segunda-feira (23) cinco novos projetos foram apresentados para a comunidade em Salvador. Juntos, eles oferecerão 850 novas vagas em cursos de empreendedorismo social. Todos são gratuitos e há, inclusive, um deles com remuneração de R$932 (veja abaixo).

Além desses lançados hoje, há outras seis ações que já são desenvolvidas pelo Parque Social, como o Jovem Aprendiz Empreendedor que promove capacitação teórica e prática de jovens que atuam como auxiliares administrativo em órgãos municipais e o programa Agente da Educação, onde estagiários de pedagogia acompanham a vida escolar de alunos, interagindo com as famílias e com a comunidade onde as escolas estão inseridas.

Eduarda de Araújo, 18, é uma jovem empreendedora e trabalha cuidando da parte administrativa da Secretaria de Saúde do Município (SMS). Essa foi a primeira oportunidade que a jovem teve de estar no mercado de trabalho, sendo capacitada e recebendo orientações sobre carreiras. “Amadureci muito em questão de trabalho e como pessoa. A partir da experiência que estou tendo como jovem aprendiz, vai ficar mais fácil de crescer profissionalmente”, disse Eduarda.

O Agente da Educação, por exemplo, trabalha em 124 escolas de Salvador. Os universitários que fazem parte desse projeto atuam por 30 horas semanais promovendo a melhoria do desempenho escolar dos alunos de escolas municipais. Eles recebem uma bolsa-auxílio de R$900. [confira conograma de inscrição abaixo]

“O Parque Social atua acreditando no potencial inovador e transformador das pessoas e comunidades e vem fazendo um trabalho de desenvolvimento, catalizando processos de desenvolvimento, considerando o empreendedorismo social e a participação cidadã como caminhos essenciais para a construção de uma sociedade mais justa e digna”, explica a diretora presidente do Parque, Rosário Magalhães.

Novos projetos
Os novos projetos do Parque são o Jovem Empreendedor Digital, que vai promover a capacitação de comunicação e marketing com foco em gestão de conteúdos digitais para jovens; o Projeto de Formação de Lideranças e Fortalecimento de Organização Comunitária – Guerreira Zeferina, onde potenciais líderes do Conjunto Habitacional Guerreira Zeferina – antiga Cidade de Plástico – vão ser identificados em meio as 257 famílias que lá vivem para se tornarem agentes de transformações sociais.

Além desses, haverá também o Projeto Agente Multiplicador de Educação Ambiental que vai trabalhar com 300 jovens de 16 a 24 anos moradores de comunidades de Salvador. Os participantes se tornarão multiplicadores  de educação ambiental, promovendo mudanças de hábitos e melhorando a qualidade de vida das comunidades.

Já o Programa Comunidade Empreende – PCE da Região Nordeste de Amaralina trabalharará com a rodas de conversas, seminários e desenvolvimento de modelos de negócios para as comunidades. O Programa Agente de Empreendedorismo, por sua vez, tende a estimular o crescimento econômico da cidade estimulando o empreendedorismo nas comunidades, com a capacitação, por exemplo, da população pelo Sebrae.

Cronograma

Jovem Empreendedor Digital 1
Público: jovens de 14 e 17 anos
Local de Realização: Parque Social, Parque da Cidade, Itaigara
Pré-requisitos:  Crianças e jovens matriculados ou concluintes de escolas da rede pública, bem como jovens, adultos e idosos atendidos pelo projeto ou em situação de vunerabilidade social.
N° de vagas: 240
Data e Local de inscrição: Será divulgado em breve

Jovem Empreendedor Digital 2
Público: jovens de 14 e 17 anos
Local de Realização: Espaços nas comunidades atendidas (Subúrbio, Cajazeiras, Pau da Lima e Brotas)
Pré-requisitos: Jovens matriculados ou concluintes de escolas da rede pública, bem como jovens, adultos e idosos atendidos pelo projeto ou em situação de vunerabilidade social e moradores dos bairros.
N° de vagas: 160
Data e Local de inscrição: Será divulgado em breve

Projeto Agente Multiplicador de Educação Ambiental 
Público: 16 a 24 anos
Local de Realização: Espaços nas comunidades atendidas (Mata Escura, São Caetano, Liberdade, Federação e Boca do Rio)
Pré-requisitos: Estar matriculado e frequentando regularmente escola pública ou ter o nível médio concluído , ter residência fixa na mesma comunidade de atuação do projeto, ter disponibilidade no turno oposto ao escolar
N° de vagas: 300 (60 por comunidade)
Data e Local de inscrição: 01/04 a 05/05, site 

Programa Agente de Empreendedorismo
Público: Estudantes dos cursos de economia, ciências contábeis e administração
Pré-requisitos: Estar matriculado em uma instituição de ensino superior
N° de vagas: 90 (com bolsa auxílio no valor de R$932)
Data e Local de inscrição: a partir de maio, pelo site  ou presencialmente na sede do Parque Social, no Parque da Cidade, Itaigara.

Programa Comunidade Empreende – PCE da Região Nordeste de Amaralina
Público:
 Moradores do da Região Nordeste de Amaralina
Pré-requisitos: Ser morador de um dos bairros da Região Nordeste de Amaralina
N° de vagas: 60
Data e Local de inscrição: já está aberto, no site  ou presencialmente na sede do Parque Social, no Parque da Cidade, Itaigara.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.