Órgãos acatam recomendação e não vão permitir obras de canalização do BRT, diz MP

Determinação é voltada especificamente para as coberturas dos rios Lucaia e Camarjipe

A Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) e o Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) vão acatar a recomendação do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) para proibir obras de canalização e tamponamento de cursos d’água em Salvador, para implantação do BRT.

A informação foi divulgada pelo MP nesta sexta-feira (15), no entanto, foi sinalizada pelo secretário José Geraldo dos Reis Santos em ofício, na quinta (14). A determinação é voltada especificamente para as coberturas dos rios Lucaia e Camarjipe.

Ainda sobre a recomendação, a diretora geral do Inema, Márcia Cristina Telles de Araújo Lima, disse ao MP que nenhuma autorização ou licença ambiental para a construção do BRT havia sido concedida. O caso ainda está passando por análise técnica.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.