Moradores da Visconde da Itaboraí reclamam de grande quantidade de lixo e entulhos na região

descarte irregular de lixo e entulhos na Visconde de Itaboraí em Amaralina.

E segue mais um capítulo da novela sobre o descarte irregular de lixo e entulhos na Visconde de Itaboraí em Amaralina. Mais uma vez, a equipe do Nordesteusou (NES) recebeu denúncia sobre entulhos na região. Dessa vez, o local escolhido é a ladeira do Ibama, logo em frente ao túnel. Uma moradora que preferiu não se identificar, relatou que os entulhos são colocados em plena luz do dia, por pessoas oriundas, na maioria das vezes, da região da Olaria. Chegam no local sem cerimônia, à vista de todos, e jogam desde colchões e “cascalhos” de obras até fogões, geladeiras ou mircoondas. “É muita cara de pau. O povo é muito maleducado. Chegam lá com o carrão de mão cheio de entulhos e despejam ali”, conta a moradora. Ainda de acordo com a referida moradora, o problema começou há cerca de dois anos, quando a prefeitura, após reclamação de um pastor de uma igreja evangélica situada na entrada da rua Aurelino Silva, retirou um container que existia no local. “Depois disso virou um inferno! Primeiro começaram a jogar entulho na pracinha onde ficar o rapaz do jogo do bicho. Quando tiraram dali, os mal-educados partiram para as imediações do túnel”, explica. Um outro morador da localidade, ressaltou que a prefeitura realiza diariamente a limpeza no local, às vezes mais de uma vez ao dia, mas tão logo os prepostos da prefeitura saem, chega mais e mais entulhos: “Peço encarecidamente que a prefeitura resolva a situação. Que bote uma placa, disponibilize um container e faça valer uma punição severa para quem descumprir”, conclui.

COMPARTILHAR
Tiago Queiroz
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU