[LUTO] Uma semana após acidente grave, morre o ator Caio Junqueira

Ator de Tropa de Elite estava internado no Hospital Miguel Couto

Uma semana após um acidente grave, o ator Caio Junqueira, 42 anos, morreu no Rio de Janeiro. Ele estava internado no Hospital Miguel Couto e morreu na manhã desta quarta-feira (23). 

Caio tinha passado por uma cirurgia nesta terça-feira (22).  Ele perdeu controle da direção, subiu no meio fio, bateu em uma árvore e capotou o veículo. 

Junqueira foi socorrido desacordado de dentro do veículo e levado para o hospital. O acidente foi na Avenida Infante Dom Henrique, no Aterro do Flamengo. Depois do capotamento, as pistas foram parcialmente fechadas durante a tarde. O ator sofreu uma fratura exposta no braço e foi sedado assim que foi resgatado do carro. Ele passou ainda ontem por uma cirurgia ortopédica.

Carreira
Caio iniciou sua carreira na TV Manchete, e logo em seguida foi para a TV Globo, onde participou de diversas novelas, como Desejo, Barriga de Aluguel, A Viagem, Engraçadinha… Seus Amores e Seus Pecados, Malhação, Hilda Furacão, Chiquinha Gonzaga, Aquarela do Brasil, Um Anjo Caiu do Céu, O Quinto dos Infernos, O Clone.

Ele também participou de séries, como Um Só Coração, Sexo Frágil e Brava Gente. 

No cinema, ele teve destaque em Tropa de Elite, no qual viveu Neto Gouveia. 

Em 2010, ele teve destaque na TV Record, na novela Ribeiro do Tempo, interpretando Joca. Na nova emissora, ele também participou de de José do Egito e Milagres de Jesus. 

O último trabalho de Caio foi a série O Mecanismo, na Netflix, interpretando Henrique Villa Verde, o Ricky.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.