[Garota BCS 2018] Vencedoras de edições anteriores dão dicas para as futuras candidatas

O concurso é considerado o “sonho de princesa”, das meninas do Nordeste de Amaralina.

O já tradicional e tão disputado concurso de moda do Nordeste de Amaralina é considerado como uma grande oportunidade para as garotas da comunidade mostrar sua beleza e desenvoltura nas passarelas, tendo como porta de entrada para almejar maiores reconhecimento nas passarelas pelo mundo a fora. A cada ano é revelado talentos que ganham a oportunidade de disputar e representar o bairro com outras tantas beldades espalhadas por Salvador e outras cidades. Com o desejo de desejar boa sorte as garotas, o NES bateu um papo com vencedoras das últimas edições que separam dicas para as futuras candidatas.

Para Geovana Carvalho vencedora da Santa Cruz, da edição 2017, o grande segredo é a persistência e confiança: “Não deixem de acreditar em vocês, confiança acima de tudo. Lembre-se: Você pode, consegue e nunca desista”, tentei por varias vezes e chegou o meu momento, venci. Acredito que tudo tem seu momento e hora certa. Em relação ao concurso foi um sonho, tudo maravilhoso, gratificante. Aprendi muito e foram aprendizados que agregaram na minha carreira, como postura e outras dicas. “Desejo que as novas candidatas se abram e acolham cada ensinamento, são aprendizados que são para a vida”, destaca a modelo.

Já para a vencedora do Nordeste, na edição 2017, as futuras candidatas devem saber o peso de carregar a faixa. “É uma grande responsabilidade. Espero que a futura BCS do Nordeste, ame, respeite a sua faixa e leve esse título a onde ela estiver. Amei ser BCS Nordeste de Amaralina. Eu curtir muito o meu título e em todos os lugares que passava sempre falava que era BCS do Nordeste. Abriu várias portas, fiz vários trabalhos em pró desse concurso. Eu queria muito trazer a faixa de bcs Bahia para o nordeste, mas eu espero que esse ano a nova vencedora da comunidade consiga, iria ficar muito feliz. Sou muito grata a capitã Sheila, a capitã Eva e o capitão Hélder, eles me ajudaram em tudo o que eu precisei. Minha eterna gratidão!”, diz.

Como nem tudo na passarela são glamour, a vencedora da 3º edição pela Santa Cruz, Thaynne Gonçalves, mostrou muita elegância, garra, força no salto e driblou as dificuldades: ”Participar do concurso Garota BCS, foi muito importante pra mim, pois já vinha ganhando outros concursos fora, e pra mim era uma responsabilidade muita grande representa a minha comunidade ao qual sempre foi meu sonho em ser uma modelo conhecida, algo que eu conseguir ao decorrer do tempo. No decorrer do processo tive um problema, concorri machucada, pois, fiquei doente uma semana antes do concurso. Diante deste fato não desanimei, perseverei, fui e dei o meu melhor. Minha reação com o mundo da moda é sentir-se realizada. Sei que não é fácil e que só ganhamos aquilo que corremos atrás, mas o mundo da moda nada é fácil, e não foi diferente para mim. O concurso ensinou-me que nem tudo que a gente quer, conseguimos na nossa hora , e que as coisas vai acontecendo conforme a vontade de Deus. E que nada na vida é fácil como imaginamos. Tem que ter fé, foco e força. Em relação aos bastidores, fui tratada como uma rainha e todas eram tratadas como vencedoras. O segredo do crescimento é sempre ser humilde e ter caráter, foi que fiz para ganhar. E buscar sempre dá seu melhor. E mesmo sendo dona de 8 títulos continuei sendo eu, não mudei em nada só adquire conhecimentos e muita personalidade pra minha vida profissional. E as candidatas que estão por vir, digo o mesmo, não sinta-se melhor quer ninguém e nem queira pisar  em alguém pra se sentir melhor , sinta-se melhor tendo caráter e humildade que ganhando ou perdendo você nunca será esquecida. E leve com vocês uma dose de humor e alegria própria que seu brilho nunca será ofuscado”, comentou.  

 

 

COMPARTILHAR
Luis Lago
Amante da Literatura, apaixonado pelas Letras. Discente de Letras Vernáculas e Língua Inglesa, poeta, escritor , blogueiro, professor e Repórter do site NES.