Você também manda nudes?

Seja por whatsapps, tinder, grinders ou snaps o importante é mandar, ou não

Nudes vem do inglês “nude” que quer dizer: pelado, sem roupa, sem vestimenta. No Brasil o termo “manda nudes” se popularizou e tornou-se uma das gírias mais usadas para esquentar as coisas. De modo geral é só mais uma forma para alguém pedir fotos da pessoa com que se conversa sem roupas. Seja em um relacionamento, rolo, ou mero contatinho, o desejo de receber nude surge quase que instantaneamente, mas é necessário bastante cuidado, pois caso o solicitante não tenha boas intenções pode ser que sua foto vaze e viralize na web.

Algumas pessoas afirmam que o fato de receber ou mandar fotos e vídeos íntimos está ligado à sua satisfação sexual. Ainda assim, o ato divide opiniões. Apesar de algumas pessoas confiarem muito naqueles que receberão as imagens, todo o cuidado é pouco. É importante evitar que a foto contenha qualquer elemento que possa ser relacionado a quem está nela. Talvez esse seja o conselho mais importante.

Outros preferem enviar fotos fake, o que é um tiro no pé, porque uma hora você terá que se mostrar, caso a brincadeira saia do mundo virtual. Sem contar que é crime violar a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem de alguém. Não acredita? Então veja o que diz o Inciso X do Artigo 5 da Constituição Federal de 1988:

“Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

X – são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação.”

E sem falar da Lei Carolina Dieckmann – Lei nº. 12.737/12, art. 154-a do Código Penal, que leva o nome da atriz global que “foi proposto em referência e diante de situação específica experimentada pela atriz, em maio de 2012, que supostamente teve copiadas de seu computador pessoal, 36 (trinta e seis) fotos em situação íntima e conversas, que acabaram divulgadas na Internet sem autorização”. [Fonte: Wikipédia]. A pena para quem for pego praticando esse crime é de detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, e multa.

Mas não precisa se assustar. Você pode mandar nudes para quem quiser e, caso tudo dê errado, a culpa não é sua por ter enviado. A culpa é de quem vazou e o ou a responsável precisa pagar por isso. Outra coisa, diferente do que muita gente pensa ou julga, mandar nudes ou receber nudes não é simplesmente uma saída dos solteiros ou daqueles que não tem outra opção. Tão pouco é algo sem graça e impessoal. Na verdade, toda forma de diversão é válida quando se há o respeito.

Sendo assim, bom divertimento!

COMPARTILHAR