Criança de quatro anos encanta com paixão por garis

Uma história de admiração e respeito entre uma criança de quatro anos e os trabalhadores da coleta de lixo da comunidade do Nordeste de Amaralina, está dando uma lição de amor a muitas pessoas que inferioriza o trabalho dos “Heróis das Ruas”. O pequeno Thallys Augusto, tem o um compromisso matinal na porta da sua residência na 2ª travessa da Sucupira, Santa Cruz. Se engana quem pensa que é brincar de bolinha de gude. O seu afazer é de se aproximar dos seus amiguinhos(como ele chama os funcionários) e ver um pouco mais de perto o grande caminhão. “Todo mundo deve olhar para os meninos da coleta como meu filho olha: com carinho e respeito”, enfatiza a mãe orgulhosa da atitude do filho.  

 Essa amizade foi construída ao longo do tempo. Apaixonado por carros, como o da limpeza de lixo, o pequeno espera a coleta todos os sábados na porta da sua casa. Do lado de dentro, os olhos do menino brilham quando escuta o caminhão chegando. “Ele fica encantado pelos seus “amiguinhos”. Meu filho, apesar de ser uma criança, vem dando uma lição grande para a sociedade. Esse carinho é imenso, ele dorme no sentindo de encontra-los. A coleta passa bem cedinho e ele desperta com o ruído do caminhão se aproximando, pula da cama, rumo à porta. gritando e acenando, carregado de admiração. Eles param, conversam e fazem a festa com meu filho”, comenta Doty, mãe do garoto.

O gesto do garoto foi encantando aos vizinhos e familiares. Sua tia preparou uma surpresa para o garoto. “A titia é costureira e fez uma farda de gari para o sobrinho. Ele ficou muito eufórico. Inclusive, aproveitou que estava vestido a caráter e quis acompanha-los no caminho e ajudar na coleta”, disse a mãe aos risos. 

COMPARTILHAR
Luis Lago
Amante da Literatura, apaixonado pelas Letras. Discente de Letras Vernáculas e Língua Inglesa, poeta, escritor , blogueiro, professor e Repórter do site NES.