[BOMBA] Almir Odun Ará anuncia sua saída do Afoxé Bamboxé

Após oito anos à frente do vocal do grupo, na “ cara e na coragem”, como costuma falar, Almir Odun Ará anunciou o seu afastamento do Afoxé Bamboxé.

Foto Reprodução Facebook

“Não tem um motivo especifico. Não briguei com ninguém. Foram oito anos… É preciso abrir vaga até para ver se outras pessoas também aparecem para colar no projeto. É o que penso. Tenho me afastado de algumas outras coisas também… Estou naquela fase meio que querendo encontrar mares da África”, explicou Odun Ará.

AFOXE BAMBOXÊ – Criado em 20 de novembro de 2009, o Afoxé Bamboxê é formado por 12 músicos do Nordeste de Amaralina, praticantes do candomblé e umbanda, e cerca de mil associados. Além de renovar a cena cultural da cidade, o Bamboxê busca realizar atividades educativas e sociais, incluindo também as linguagens da dança, capoeira e resgate histórico da cultura de matriz africana na comunidade do Nordeste de Amaralina.    Inspirados no simbolismo do Filhos de Gandhy (afoxé da paz) e na força transformadora do Ilê Aiyê e Malê Debalê, blocos afros com expressiva participação em suas comunidades de origem, a proposta do Bamboxê é sensibilizar as pessoas através da arte. Temas como o combate à violência, ao uso de drogas e à injustiça social estão presentes no repertório do grupo, que também busca a valorização da vida, da diversidade cultural e de gênero.

COMPARTILHAR
Tiago Queiroz
Graduado em Comunicação/Jornalismo, e exerce as funções de Editor e Coordenador de Jornalismo do Portal NORDESTeuSOU