Bolsa-Família: prazo para acompanhamento obrigatório de saúde termina nesta sexta (27)

Quem não comparecer aos postos de saúde pode perder benefício

(Divulgação)

Os beneficiários do Bolsa Família que moram em Salvador e ainda não fizeram o acompanhamento obrigatório de saúde, têm até esta sexta-feira (27) para passar pelo processo.

De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde de Salvador (SMS), quem não comparecer a um dos 140 postos da cidade sofre o risco de receber advertências ou ter o benefício suspenso.

Antes, o prazo para regularizar a situação era até segunda-feira (30), mas como a prefeitura decretou ponto facultativo nesta data, o limite foi recuado para o dia 27.

Dos 229 mil beneficiários que residem no município, apenas 120 mil compareceram às unidades de saúde até o momento, faltando 109 mil fazerem o cadastramento.

Devem comparecer aos postos todas famílias que possuem entre seus dependentes crianças menores de sete anos, gestantes de qualquer idade e mulheres em idade fértil (14 e 44 anos). Todos devem comparecer aos postos de saúde portando o cartão do Bolsa Família onde consta o Número de Identificação Social (NIS), a caderneta de vacinação das crianças e a caderneta do pré-natal das gestantes.

COMPARTILHAR
Redação NES
NORDESTeuSOU.com.br, o Portal do Nordeste de Amaralina que tem o Objetivo de desfazer o mito de que a comunidade do Nordeste de Amaralina é dominada pelo crime, divulgando ações de esporte, lazer e entretenimento dentro da comunidade bem como notícias externas que direta ou indiretamente.