[Sintonia de Amor] “Descobri tudo no aparelho celular, não tem mais jeito…”

Conheça a história de Ricardo e Cristina.

“Olá, meninos! Sou André Ricardo e quero contar o que estou passando na minha relação amorosa que dura mais de 23 anos. Sou casado com a Cristina, temos dois filhos adolescentes. O Heitor e o João Lucas. No início da nossa relação Cristina implicava bastante por causa do meu baba no final de semana, e até depois de casados permanece, na verdade ela reclama que não tenho tempo para o casamento, dou mais atenção aos meus colegas.

Gosto de pegar a pelada com os parceiros, um momento gostoso de descontração, regado a umas geladas e muita resenha.  Quando chego em casa, é certo ela está emburrada. Cara fechada sem querer papo. Sempre busca um defeito para culpar o meu momento de lazer.  Já tem uma lista com vários itens para reclamar, um deles é falta de passeio com ela, tempo para diálogo, e outros. Em uma dessas brigas, resolvi ceder. Pela saúde da nossa relação foi a melhor escolha, pelo menos irei me policiar. Participo do futebol uma vez no mês, diminui de forma drástica a frequência.

Agora sou um novo homem, não quero contrariar minha patroa.  Sou apaixonado, e quero lhe proporcionar o melhor.  Só que o jogo virou, nossa briga aumentou, agora, por um novo motivo, ela reclamou do meu baba com os amigos, porém ela não sai do WhatsApp. Não me dá a mínima atenção dentro de casa.

Só que saber de grupo da família, grupo da resenha, grupo disso, grupo daquilo. Tudo que faz é para compartilhar nas redes sociais. Está pior do que esses metidos a blogueiros. Fez um cardápio novo, manda foto para amiga, ou parente. Estou em casa querendo conversar, não me dá a mínima atenção. Até em momentos mais íntimos, que se tornaram mais raros, estou sendo trocado pelas redes.

Hoje, penso o quanto a Cristina passou com minha falta de atenção. Fui substituído. Mas acho que tem algo estranho, deve ter algum homem nessa jogada.

Certo dia não me contive, após uma indignação, resolvi mexer no aparelho, sentia que estava crescendo alguma coisa na minha cabeça. Quando olho, percebo toda a verdade na tela do aparelho, fiquei sem reação. A Cris era voluntária de um projeto que ajuda crianças carentes. Como fui pensar besteira da minha esposa. Tantos anos. Sinto-me culpado. Ela fazendo o bem. E, eu egoísta, pensando apenas em mim. Toda essa dedicação era em prol do bem. Percebo que muitas das vezes ela me falou ou na verdade tentou falar algo sobre, mas sempre interrompia com outro assunto. Recordo-me que no natal passado ela arrecadou donativos. Fui cruel durante esses anos. Meninos me ajudem, não dou o devido valor a minha mulher, ela sempre fazendo o melhor para meu bem estar.

Matheus Santiago- Olá, André Ricardo. Então, está ficando cada vez mais difícil de opinar nas histórias que vocês estão nos mandando rs. André Ricardo, vocês estão juntos, há um bom tempo não tem o porquê de você desconfiar da sua esposa, apesar de sempre vem aquele medo bobo, mas que isso sirva para você confiar e acreditar mais nela. Que sirva também para você abrir os olhos e ter cuidado para não perder sua mulher por besteira. Boa sorte aí e se liga.

Luis Lago- Olá, Ricardo. Que saia justa você se meteu.  Risos. Bom, a vida é muito curta, perde tempo não, reacende a chama do amor de vocês, aproveita com a chegada do dia dos namorados, quitar essa dívida com ela, curte um lugar especial, põem os assuntos em dias, e sejam felizes!  Bjs viva o amor, e até a próxima!

COMPARTILHAR
Luis Lago
Amante da Literatura, apaixonado pelas Letras. Discente de Letras Vernáculas e Língua Inglesa, poeta, escritor , blogueiro, professor e Repórter do site NES.